Pular para o conteúdo principal

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

OS 12 FILAMENTOS DO DNA –
NOSSO PATRIMÔNIO ESPIRITUAL

Por Kate A. Spreckley


Durante anos a ciência reconheceu que temos dois filamentos físicos ativos de DNA. Além desses, temos 10 filamentos energéticos que estiveram adormecidos no Ser Humano durante séculos. Estes filamentos adormecidos de DNA foram descobertos pelos cientistas que, não sabendo qual seria a função deles, identificou-os como DNA "lixo".

O ácido desoxirribonucléico (DNA) é um ácido nucléico que contém todas as instruções genéticas utilizadas no desenvolvimento e funcionamento de todas as coisas viventes. A função principal do DNA é o armazenamento de informações em longo prazo. O DNA é freqüentemente comparado a um conjunto de projetos, já que ele contém as instruções necessárias para construir outros componentes de células. Os segmentos de DNA que carregam as informações genéticas são chamados genes, mas outras seqüências de DNA têm propósitos estruturais ou estão envolvidas na regulamentação do uso das info…
Conforto na prisão

encaminhado do Blog Samsara
Posted: 13 May 2011 08:33 AM PDT

Muitas pessoas se sentem bem confortáveis no samsara. Elas não têm a aspiração genuína de ir além do samsara; querem apenas que o samsara seja um pouco melhor. É bem interessante que “samsara” tenha se tornado o nome de um perfume. É bem assim; isso seduz nos fazendo pensar que é OK: samsara não é tão ruim, tem um cheiro bom!

A motivação mais profunda de ir além do samsara é muito rara, mesmo para pessoas que vão aos centros do Dharma. Há muitas pessoas que querem aprender a meditar e tudo mais, mas com a motivação subjacente de uma esperança de se sentir melhor. E se no final se sentirem pior, em vez de compreender que isso é um bom sinal, elas pensam que há algo errado com o Dharma.

Estamos sempre procurando maneiras de nos sentir confortáveis na prisão. Podemos pensar que se as paredes da cela forem pintadas com um belo tom de verde e tiverem algumas fotografias, assim deixará de ser uma prisão.

[...] H…